sábado, junho 07, 2014

As Pedras guia da Geórgia

Olá caros leitores... estou fazendo uma grande matéria que se chamara "Sociedades Secretas?" nesta matéria não vou me referir a todas as sociedades secretas e também não irei ficar apontando o dedo para nenhuma... tive uma boa ideia de como me diferenciar de outros blogs e sites e será uma boa matéria... e nesta matéria " Sociedades Secretas?" irei dar uma pincelada por cima sobre o assunto das Pedras guia da Geórgia e aqui irei dar uma aprofundada rápida... as informações aqui sobre a pedra guia é como as de outros sites e blogs, mas aguardem que uma super matéria está por vir concluindo o raciocínio está aqui ira ser somente um complemento que estará no final da matéria " Sociedades Secretas?"




As Pedras guia da Geórgia (Georgia Guidestones) formam um monumento em granito localizado no Condado de Elbert, Geórgia, Estados Unidos e nele estão gravados dez frases em oito línguas modernas: inglês, espanhol, suaíli, hindi, hebreu, árabe, chinês e russo, e uma pequena mensagem, no topo, escrita em quatro antigas línguas: babilônio, sânscrito, grego e em hieróglifos egípcios.
A estrutura também é chamada de "American
Stonehenge" (Stonehenge Americana). É composta por seis pedras de granito dispostas da seguinte forma: uma pedra no centro com quatro pedras ao redor, em posições verticais, além de uma pedra à cima das cinco, em posição horizontal. Estas placas de granito estão astronomicamente alinhadas. Em adição a esta estrutura, há uma placa (horizontalmente disposta no chão), também de granito, que fica a oeste deste monumento e tem o objetivo de fornecer algumas notas sobre a história e a finalidade das Pedras Guia (Guidestones).
O monumento mede 19 pés e 3 polegadas e utiliza 951 pés cúbicos de granito. Todas as pedras juntas pesam mais de 119 toneladas.

Mensagem contida nas Pedras guia (em inglês)
  • Maintain humanity under 500,000,000 in perpetual balance with nature
  • Guide reproduction wisely - improving fitness and diversity.
  • Unite humanity with a living new language.
  • Rule passion - faith - tradition - and all things with tempered reason.
  • Protect people and nations with fair laws and just courts.
  • Let all nations rule internally resolving external disputes in a one world court
  • Avoid petty laws and useless officials.
  • Balance personal rights with social duties.
  • Prize truth - beauty - love - seeking harmony with the infinite.
  • Be not a cancer on the earth - Leave room for nature - Leave room for nature.
Mensagem contida nas Pedras guia (em Português)
1. Manter a humanidade abaixo de 500.000.000 em perpétuo equilíbrio com a natureza.
2. Controlar a reprodução sabiamente - aperfeiçoando as condições físicas e a diversidade.
3. Unir a humanidade com um novo idioma vigente.
4. Controlar a paixão - fé - tradição - e todas as coisas com razão moderada.
5. Proteger povos e nações com leis e tribunais justos.
6. Permitir que todas as nações regulem-se internamente, resolvendo disputas externas em um único tribunal mundial.
7. Evitar leis insignificantes e governantes desnecessários.
8. Equilibrar direitos pessoais com deveres sociais.
9. Valorizar a verdade - beleza - amor – procurando a harmonia com o infinito.
10. Não ser um câncer sobre a terra – Deixar espaço para a natureza.



Os 10 Mandamentos para uma Nova Era da Razão

O Guia da Geórgia é um misterioso monumento em que estão esculpidos dez "mandamentos" para uma "Nova Era da Razão". O primeiro mandamento? Manter a população mundial em 500 milhões de pessoas. Outro fato sinistro: os autores do que hoje chamamos de Stonehenge americano ainda são um "mistério" ... exceto para aqueles que a conhecem. Vamos olhar para as inúmeras características do monumento, a sua mensagem pedindo uma 
Nova Ordem Mundial e explicar como é o trabalho de uma sociedade secreta ocultista.


As Pedras Guia da Geórgia é um monumento de granito enigmático situado em Elbert County, Georgia. Também conhecido como o Stonehenge americano, a gigantesca estrutura tem quase 20 metros de altura e é feita de seis lajes de granito, pesando um total de 240.000 libras. O detalhe mais surpreendente do monumento não é, porém seu tamanho, mas as mensagens gravadas nele: Dez regras para uma "Idade da Razão". Estes guias tocam em assuntos que estão associados com a "Nova Ordem Mundial", incluindo o despovoamento maciço, um governo único mundial, a introdução de um novo tipo de espiritualidade, etc. Os autores dessas regras pediram para permanecerem totalmente anônimos e, até agora, o anonimato foi devidamente preservado. No entanto, este misterioso grupo deixou um texto explicando o raciocínio por trás das regras, um texto que não foi discutido on-line antes. Com esta nova informação, o propósito por trás das Pedras Guia torna-se muito claro, deixando pouco espaço para hipóteses. As Pedras Guias descrevem o mundo ideal, como o previsto por sociedades secretas ocultistas. O monumento é, portanto, prova de uma ligação existente entre as sociedades secretas, a elite mundial e a pressão por uma Nova Ordem Mundial.

O Monumento
 


Calmamente em pé , as Pedras Guias provavelmente 
ganharão relevância nos próximos anos


Feitas de granito azul pirâmide, as Guias da Geórgia são destinadas a resistirem ao teste do tempo e comunicarem o saber em vários níveis: filosófico, político, astronômico, etc. Consiste em quatro grandes blocos de pedra, que contêm dez guias para a vida em oito idiomas : Inglês, Espanhol, suaíli, hindi, hebraico, árabe, chinês e russo. A mensagem mais curta está inscrito na parte superior da estrutura em scripts em quatro línguas antigas: babilônico, grego clássico, sânscrito e hieróglifos egípcios. É importante notar que essas últimas quatro línguas antigas são de grande importância nos ensinamentos de escolas de mistérios ocultos, como as dos maçons e rosa-cruzes, organizações que vou discutir mais adiante.

As quatro pedras grandes estão dispostas em uma "roda de pás" gigante de configuração que são orientadas para os limites de migração do sol durante o decorrer do ano e também mostra as posições extremas do nascer e pôr do sol no seu ciclo 18,6 anos. A pedra central tem duas características especiais: primeira, a Estrela do Norte está sempre visível através de um furo especial perfurado do Sul para o lado Norte da pedra centro, em segundo lugar, outro slot se alinha com as posições do sol nascente no momento do verão e solstícios de inverno e no equinócio.


Na base das Pedras Guias reside um comprimido de motivos listados de alguns dos detalhes da estrutura. Ele também menciona uma cápsula do tempo enterrada debaixo dela. O conteúdo desta cápsula do tempo (se é que ela existe) é um mistério total.


O comprimido de motivos explica algumas das características dos monumentos e seus autores. A data de abertura da cápsula do tempo foi deixada em branco.
Recursos astronômicos são de grande importância na concepção das Pedras Guia. Em um país relativamente "novo", como os Estados Unidos, monumentos que estão alinhados com os corpos celestes são muitas vezes o trabalho de sociedades secretas, como os maçons. Desenhos de seus ensinamentos de escolas de mistério do antigo Egito, Grécia ou dos celtas druidas, eles são conhecidos pela incorporação de seus "conhecimentos sagrados" em alguns monumentos.

Os 10 Mandementos


A versão em Inglês das Diretrizes

As dez guias para uma nova "Idade da Razão" são as seguintes:

1. Manter a humanidade abaixo de 500.000.000 em perpétuo equilíbrio com a natureza.
2. Controlar a reprodução sabiamente - aperfeiçoando as condições físicas e a diversidade.
3. Unir a humanidade com um novo idioma vigente.
4. Controlar a paixão - fé - tradição - e todas as coisas com razão moderada.
5. Proteger povos e nações com leis e tribunais justos.
6. Permitir que todas as nações regulem-se internamente, resolvendo disputas externas em um único tribunal mundial.
7. Evitar leis insignificantes e governantes desnecessários.
8. Equilibrar direitos pessoais com deveres sociais.
9. Valorizar a verdade - beleza - amor – procurando a harmonia com o infinito.
10. Não ser um câncer sobre a terra – Deixar espaço para a natureza.

Como você pode ver, as diretrizes chamam para uma redução drástica da população mundial, a adoção de uma nova linguagem mundial, a criação de um tribunal mundial e uma vaga alusão à eugenia. Em outras palavras, um projeto para uma 
Nova Ordem Mundial.

Despovoamento, Controle de Natalidade e Eugenia

O primeiro "mandamento" é particularmente chocante, uma vez que basicamente determina que 12 das 13 pessoas na Terra não deveriam existir, basicamente, isso significaria que todos no mundo desapareceriam, exceto uma quantidade equivalente a metade da Índia. Se a população mundial de hoje é 6,7 bilhões, então isso é um superávit 92,54%. Para considerar estes números são incompreensíveis. Mas então, quantas pessoas sobreviveram no filme 2012 ? Não são muitos. Quem eram eles? As pessoas mais ricas do planeta. É esta uma programação preditiva?

A última regra das Pedras Guia, "Não ser um câncer sobre a terra – Deixar espaço para a natureza". É particularmente perturbador como ele compara a vida humana a um câncer. Com este estado de espírito, é fácil racionalizar a extinção de quase toda a população mundial.

Despovoamento maciço é uma meta admitida pela elite mundial e muitas pessoas importantes já clamaram abertamente por isso:

Em 1988, o príncipe Philip da Inglaterra expressou o desejo de se reencarnar, e disse que gostaria de ser "um vírus mortal" que reduziria a população mundial. Mais recentemente, 
Bill Gates disse: "O mundo tem hoje 6,8 bilhões de pessoas ... que é liderado até cerca de 9 bilhões. Agora, se fizermos um trabalho muito grande de novas vacinas, cuidados de saúde, serviços de saúde reprodutiva, poderíamos abaixar, talvez 10 ou 15 por cento." Junto com as doações dedutíveis do imposto de enormes quantias de dinheiro para ajudar a causa do despovoamento, "reuniões secretas" da elite mundial têm sido realizadas para discutir essas questões:
"Alguns dos principais bilionários americanos se encontraram secretamente para averiguar como suas riquezas poderiam ser usadas para desacelerar o crescimento da população mundial e acelerar as melhorias na saúde e educação. 
Os filantropos que participaram de uma cúpula convocada por iniciativa de Bill Gates, o co-fundador da Microsoft, discutiram a união de forças para superarem obstáculos políticos e religiosos à mudança. 
Descrito como o "Clube Bom" por um integrante que incluía David Rockefeller Jr, o patriarca da mais rica dinastia americana, Warren Buffett e George Soros, os financistas, Michael Bloomberg, prefeito de Nova York, e os magnatas da mídia Ted Turner e Oprah Winfrey." - The Sunday Times, 24 de Maio de 2009

A segunda regra ("Controlar a reprodução sabiamente - aperfeiçoando as condições físicas e a diversidade."), basicamente, isso fala da inferência de parlamentares na gestão de unidades familiares. Se lermos nas entrelinhas, seria também a criação de leis que estruturam o número de filhos por família. Além disso, "a diversidade e melhoria da aptidão" pode ser obtida através da "criação seletiva", ou a esterilização dos membros indesejáveis ​​da sociedade. Isto costumava ser chamado de "eugenia" , até que se tornou politicamente incorreto por causa do nazismo.

Um Governo Mundial
"Alguns acreditam mesmo que somos parte de uma cabala secreta trabalhando contra os melhores interesses dos Estados Unidos, caracterizando a minha família e eu como 'internacionalistas' e acusando-nos de conspirar com outros ao redor do mundo para construir uma estrutura política e econômica global mais  integrada  - um mundo, se você quiser. Se essa é a acusação, eu sou culpado, e eu estou orgulhoso disso." - David Rockefeller, “Memoirs of David Rockefeller” pg.405

A maioria das outras regras das Pedras Guia basicamente chamam para a criação de um governo mundial, governado por um "pouco esclarecido", que regularia todos os aspectos da vida humana, incluindo a fé, os direitos sociais, economia, etc. Esta ideia está longe de ser nova, como tem sido entretida por escolas de  mistério durante séculos. Manly P. Hall escreveu em 1917:
"Quando a multidão governa, o homem é governado pela ignorância, quando a igreja os governa, ele é governado por superstições, e quando os Estado os governa, ele é governado pelo medo. Antes que os homens possam viver juntos em harmonia e compreensão, a ignorância deve ser transmutada em superstição, sabedoria em uma fé iluminada e medo em amor. Apesar das declarações contrárias, a Maçonaria é uma religião que procura unir Deus e o homem, elevando seus iniciados a esse nível de consciência e eles podem ver com a visão esclarecendo o funcionamento do Grande Arquiteto do Universo. De época para época a visão de uma civilização perfeita é preservada como o ideal para a humanidade. No meio dessa civilização subsistirá uma universidade forte, em que ambas as ciências sagradas e profanas sobre os mistérios da vida serão livremente ensinadas a todos que irão assumir a vida filosófica. Aqui credo e dogma não terão lugar, o superficial será removido e apenas o essencial será preservado. O mundo será governado pela maioria das mentes iluminadas, e cada um vai ocupar o cargo para o qual ele é mais admiravelmente equipado". - Manly P. Hall, The Secret Teachings of All Ages

Em "The Secret Destiny of America", Hall explica o sonho de um governo mundial, como entretido por 
sociedades secretas:
"A democracia do mundo foi um sonho secreto dos grandes filósofos clássicos. Para a realização do maior de todos os fins humanos definiram programas de educação, religião e conduta social voltada para a realização final de uma irmandade prática e universal. E para alcançar seus propósitos de forma mais eficaz, esses estudiosos antigos comprometiam-se com certos laços místicos em uma ampla confraria. No Egito, Grécia, Índia e China, os Mistérios do Estado entraram em existência. Ordens de iniciados padre-filósofos foram formados como um órgão de soberania para instruir, aconselhar e orientar os governantes dos Estados. " - Manly P. Hall, The Secret Destiny of America
 
Explicações Diretamente dos Autores Anônimos

Desde a ereção do monumento em 22 de março de 1980, vários autores e pesquisadores têm tentado interpretar a lógica por trás dessas dez orientações. Será que elas realmente consistem em um plano para uma 
Nova Ordem Mundial? Elas são simplesmente regras para se aplicar em caso de uma grande catástrofe? O melhor lugar para obter uma resposta precisa é perguntar aos autores das próprias regras. No entanto, uma vez que eles optaram por permanecer no anonimato, é impossível fazê-lo. Eles, no entanto, deixaram uma declaração muito importante, que tem sido negligenciada por quase todos os pesquisadores das Pedras Guia. Este texto surpreendente, que descreve seus motivos em grande detalhe, só pode ser encontrado em O Guia das Pedras Guia da Geórgia, um panfleto produzido pela Companhia de granito, que produziu o monumento. Desde o início, é óbvio que os autores do monumento procuram buscar a criação de uma Nova Ordem Mundial. Esta não é uma "teoria da conspiração" ou hipótese. Está escrito em termos claros e inequívocos. Então aqui está, diretamente da caneta dos autores secretos, a explicação das 10 regras das Pedras Guia (partes em negrito foram destacadas por mim mesmo, para enfatizar partes notáveis).


Capa do Guia das Pedras Guia da Geórgia

"É muito provável que a humanidade já possua o conhecimento necessário para estabelecer um governo mundial eficaz. De alguma forma que o conhecimento deva ele amplamente ser semeado na consciência de toda a humanidade. Muito em breve os corações de nossa família humana deverão ser tocados e aquecidos de modo que irão acolher uma regra global da razão
"A consciência de grupo de nossa raça é cega, perversa e facilmente distraída por trivialidades, quando deveria estar focada em fundamentos. Estamos entrando em uma era crítica. Pressões populacionais em breve criarão crises políticas e econômicas em todo o mundo. Estes farão mais difíceis e ao mesmo tempo mais necessária a construção de uma sociedade mundial racional. 
"Um primeiro passo será convencer o mundo duvidar que tal sociedade é agora possível. Vamos manter-se em apelos vistos duradouros à razão coletiva da humanidade. Vamos chamar a atenção para os problemas básicos. Vamos estabelecer prioridades adequadas. Devemos pedir a nossa casa aqui na terra antes de alcançar as estrelas. 
"A razão humana está agora despertando de sua força. É o órgão mais poderoso lançado no desenrolar da vida em nosso planeta. Devemos fazer da humanidade consciente a aceitação da razão, compassiva esclarecida, vamos controlar o nosso destino, dentro dos limites inerentes à nossa natureza. 
"É difícil semear a sabedoria nas mentes humanas fechadas. Inércias culturais não são facilmente superadas. Eventos mundiais que se desdobram e o triste recorde de nossa raça dramatizam as deficiências das agências tradicionais em governar os assuntos humanos. A crise que se aproxima pode tornar a humanidade disposta a aceitar um sistema de lei do mundo que irá enfatizar a responsabilidade das nações individuais na regulação de assuntos internos, e que irá ajudá-los na gestão pacífica de atritos internacionais. 
"Com esse sistema podemos eliminar a guerra, nós poderíamos fornecer a todas as pessoas uma oportunidade para buscar uma vida de propósito e realização. 
"Existem alternativas para o Armagedom. Elas são atingíveis. Mas elas não acontecerão sem esforços coordenados de milhões de pessoas dedicadas em todas as nações da terra. 
"Nós, os patrocinadores das Pedras Guia da Geórgia, somos um pequeno grupo de americanos que desejam chamar a atenção para problemas centrais para o dilema atual da humanidade. Nós temos uma mensagem simples para os outros seres humanos, agora e no futuro. Acreditamos que contemos verdades auto-evidentes, e temos a intenção de viés para um credo ou filosofia. No entanto, a nossa mensagem é em algumas áreas controversas. Optamos por manter o anonimato, a fim de evitar o debate e contenção que possa confundir o nosso significado, e que poderá atrasar um comentário considerado de nossos pensamentos. Acreditamos que nossos preceitos são sólidos. Eles devem estar em seus próprios méritos. 
"Stonehenge e outros vestígios de antigos pensamentos humanos despertam nossa curiosidade, mas não carregam nenhuma mensagem para nossa orientação. Para transmitir as nossas ideias ao longo do tempo a outros seres humanos, foi que erigiu um monumento - um aglomerado de pedras esculpidas. Estas pedras silenciosas irão mostrar nossas idéias agora e quando nós formos. Esperamos que elas venham merecer a aceitação cada vez maior e que através de sua persistência silenciosa que vá acelerar em um pequeno grau a idade da razão. 
(...) 
"Nós acreditamos que cada ser humano tem um propósito. Cada um de nós é um pouco pequeno, mas significativo no infinito. Os alinhamentos celestes das pedras simbolizam a necessidade de a humanidade ser quadrada com os princípios externos que se manifestam em nossa própria natureza e no universo ao nosso redor. Devemos viver em harmonia com o infinito. 
"Quatro grandes pedras no cluster central são inscritas com dez preceitos, cada pedra carregando o mesmo texto em duas línguas. Na versão em Inglês a mensagem totaliza menos de cem palavras. As línguas foram selecionadas por sua importância histórica e seu impacto nas pessoas que vivem agora. Desde que há três mil línguas vivas, não são todas que poderiam ser escolhidas. 
"Antevemos uma fase posterior no desenvolvimento das Pedras Guia da Geórgia. Espera-se que outras pedras possam ser erigidas em círculos externos para marcar as migrações do sol e talvez alguns outros fenômenos celestiais. Estas pedras que carregam nossas palavras nas línguas de outros indivíduos que compartilham nossas crenças e levantam pedras semelhantes às fronteiras internacionais nas línguas dos vizinhos amigáveis. Eles servem para lembrar as dificuldades que toda a humanidade deve enfrentar junta, e gostaria de incentivar os esforços mútuos para lidar com elas de forma racional e com a justiça. 
"Nós não professamos nenhuma inspiração divina além do que pode ser encontrado em todas as mentes humanas. Nossos pensamentos refletem a nossa análise dos problemas enfrentados pela humanidade neste alvorecer da era atômica. Eles descrevem em termos gerais, certos passos básicos que devem ser tomados para estabelecer um equilíbrio para a humanidade benevolente e duradoura com o universo. 
"Os seres humanos são criaturas especiais. Somos os pastores de toda a vida terrena. Neste mundo, que desempenham um papel central em uma eterna luta entre o bem eo mal, entre as forças que constroem e os que iriam destruir. Os envelopes infinitos é tudo o que existe, ainda luta, conflito e mudança, o que pode refletir tumultos na alma de Deus. 
"Nós, seres humanos fomos presenteados com uma pequena capacidade de conhecer e agir para o bem ou para o mal. Devemos nos esforçar para otimizar nossa existência, não só para nós mas para aqueles que virão depois de nós. E não devemos ser alheios ao bem-estar de todos os outros seres vivos cujos destinos foram colocados em nossa confiança. 
"Nós somos a agência principal através de qualidades boas e más do espírito tornando-se atores em nosso mundo. Sem nós, há muito pouco de amor, misericórdia e compaixão. No entanto, podemos também ser agentes de ódio, crueldade e indiferença fria. Só nós podemos conscientemente trabalhar para melhorar este mundo imperfeito. Não é suficiente para nós simplesmente derivamos com a corrente. O mundo racional de amanhã está sempre a montante. 
"Em 1980, como estas pedras estavam sendo levantadas, o problema mundial mais urgente era a necessidade de controlar o número de humanos. Nos últimos séculos, combustíveis e tecnologias abundantes tornaram possível uma multiplicação da humanidade muito além do que é prudente ao longo prazo sustentável. Agora podemos prever o esgotamento iminente dessas fontes de energia e do esgotamento das reservas mundiais de muitas matérias-primas vitais. 
"Controlar a nossa reprodução é uma necessidade urgente. Ela vai exigir grandes mudanças em nossas atitudes e costumes. Infelizmente, a inércia do costume humano pode ser extrema. Isto é especialmente verdadeiro quando aqueles para os quais o costume é uma força dominante são desinformados sobre a necessidade de mudança. 
"Quase todas as nações agora estão superpovoadas em termos de um equilíbrio perpétuo com a natureza. Somos como uma frota de barcos salva-vidas lotados confrontados com uma tempestade que se aproxima. Nos Estados Unidos da América, estamos seriamente sobrecarregando nossos recursos para manter a nossa população presente no atual estado de prosperidade. Estamos destruindo nossa terra e temos crescido perigosamente dependentes de fontes externas de petróleo, metais e outros recursos não renováveis. Nações como o Japão, Holanda e Haiti são ainda mais superpovoadas e, portanto, em maior perigo. 
"Nestas circunstâncias, a reprodução já não é exclusivamente uma questão pessoal. A sociedade deve ter uma voz e um certo poder de direção na regulação desta função vital. Os desejos de casais humanos são importantes, mas não primordiais. Os interesses da sociedade presente e do bem-estar das gerações futuras devem ser dados atenção crescente à medida que desenvolvemos mecanismos para trazer ao nosso controle racional fértil
(...) 
"Irresponsáveis férteis devem ser desencorajados por pressões legais e sociais. Os casais que não podem fornecer um rendimento digno e suporte para uma criança não deve produzir filhos, seja um fardo para seus vizinhos. Trazer as crianças em um barco salva-vidas desnecessários superlotados é mau. É injusto para com essas crianças. É prejudicial para os outros ocupantes e todas as coisas vivas. A sociedade não deve incentivar ou subsidiar esse tipo de comportamento
"Conhecimentos e técnicas para a regulação da reprodução humana estão agora em existência. Líderes morais e políticos em todo o mundo têm uma grave responsabilidade de tornar esse conhecimento e essas técnicas geralmente disponíveis. Isso poderia ser feito com uma fração dos recursos que o mundo agora dedica a fins militares. No longo prazo, desviando fundos para este canal poderiam fazer mais do que qualquer outra coisa para reduzir as tensões que levam à guerra. 
"Uma população mundial diversificada e próspera em equilíbrio perpétuo com recursos globais será a pedra angular para uma ordem mundial racional. As pessoas de boa vontade em todas as nações devem trabalhar para estabelecer esse equilíbrio. 
(...) 
"Com a conclusão do cluster central de guias da Geórgia o nosso pequeno grupo patrocinador se desfez. Deixamos o monumento na guarda do povo de Elbert County, Georgia. 
"Se as nossas palavras inscritas forem diminuídas pelo desgaste do vento e do sol e do tempo, pedimos que você vá cortá-las mais profundamente. Se as pedras caírem, e se forem espalhadas por pessoas de pouca compreensão, pedimos que você vá e levante-as novamente. 
"Nós convidamos os nossos companheiros seres humanos em todas as nações para refletirem sobre as nossas simples mensagens. Quando esses objetivos em alguns dias procurarem pela generalidade da humanidade, uma ordem mundial racional poderá ser alcançada por todos.

Quem são os autores?

Então, quem é este "pequeno grupo de americanos que buscam a Idade da Razão"? Embora a sua identidade  seja secreta, eles deixaram algumas pistas dizendo para os iniciados, inequivocamente apontando para a natureza oculta do seu grupo. Para começar, o texto acima descobre a marca inconfundível do ocultismo ocidental. Podemos encontrar referências a "As Above, So Below" ( Os alinhamentos celestes das pedras simbolizam a necessidade de a humanidade ser quadrada com os princípios externos que se manifestam em nossa própria natureza e no universo ao nosso redor ) e à dualidade ( Nós somos a agência principal através do qual qualidades boas e más do espírito tornam-se atores em nosso mundo. Sem nós há muito pouco de amor, misericórdia e compaixão. No entanto, podemos também ser agentes de ódio, crueldade e da indiferença e frio ). Eu acredito que este texto só fornece provas suficientes para concluir que os autores são ou maçons, rosa-cruzes ou outra 
sociedade secreta hermética. No entanto, existem pistas mais óbvias que apontam para as tendências esotéricas dos autores, a partir de R.C. Christian, o misterioso homem que ordenou o monumento.

 



O lançamento do Guia da Geórgia. Poderia uma dessas pessoas ser o misterioso R.C. Christian?

Aqui está a história da ordem das Pedras Guia contada pelo guia oficial.
"O que começou como uma tarde de sexta-feira comum em meados do verão terminou na produção e montagem de um dos monumentos mais incomuns do mundo, produzido sob as condições mais incomuns. Joe Fendley, presidente da Elbert Granite Finishing Company, Inc. em Elberton, Georgia, foi passar esta tarde de sexta em junho de 1979, como ele passa as tardes de sexta-feira ... estudando seus relatórios semanais e, geralmente, fechando a loja para um fim de semana ... e depois tudo começou . 
Um homem bem vestido entrou na sala de Fendley e disse que queria comprar um monumento. Como todo mundo no escritório estava ocupado, Fendley decidiu falar com o estranho a si mesmo e explicou que sua empresa não vende diretamente ao público, mas apenas no atacado. 
Não desanime, o homem de meia-idade que se identificou apenas como Mr. Robert C. Christian, disse que queria saber o custo de construir um monumento para a preservação da humanidade e começou a contar a Fendley que tipo de monumento que ele queria. Com isso, ele traçou o tamanho em medidas métricas. 
Fendley admitiu que sua primeira reação ao Sr. Christian não foi muito boa, mas depois de ouvir por cerca de 20 minutos e aprender o enorme tamanho do monumento que queria comprar e ter erguido, Fendley decidiu que ele deveria levar este homem a sério.


O nome de R.C. Christian no tablet explicativo com um belo erro de digitação ("pseudonyn")


Se o nome de R.C. Christian era simplesmente um pseudônimo sem sentido, porque seria gravado no monumento para a posteridade? Poderia ser o nome de algum significado? Bem, é, R.C. Christian é uma clara referência a Christian Rosenkreuz cuja Inglês nome é Christian Rosa Cruz, o lendário fundador da 
Ordem Rosacruz. Alguns poderiam dizer que a semelhança entre R.C. e Christian Rosa Cruz é o resultado de uma estranha coincidência. Como veremos, no entanto, é apenas uma das muitas referências ao Rosacrucianismo associado ao monumento. Esta é apenas uma peça do quebra-cabeça, mas uma peça importante, no entanto.

Os Rosacruzes
  

Buscando a entrada nos mistérios Rosacruzes. Observe que o candidato está mostrando o sinal da mão do sigilo. Além disso, observe as letras "RC", como em R.C. Christian.
Os Rosacruzes são conhecidos por publicar três Manifestos, publicados no início do século 17:  Fama Fraternitatis R.C.Confessio Fraternitatis Rosae Crucis e Núpcias Alquímicas de Christian Rozenkreuz. Estas obras anônimas, cercadas por mistérios, enigmaticamente introduziram o público em geral para a filosofia Rosacruz, ao anunciar uma grande transformação do cenário político e intelectual da Europa. A Age of Enlightenment logo em seguida, acompanhada com a queda das monarquias feudais. As Guias da Geórgia parecem realizar as mesmas funções que os manifestos Rosacruzes, chamando para um mundo de transformações importantes e mantendo um clima de mistério.

A Idade da Razão

A "Idade da Razão" referem-se a Thomas Paine, um Rosacruz proeminente?

Há inúmeras referências ao conceito de "Idade da Razão" dentro das Pedras Guia. Poderiam ser uma referência para a clássica obra de Thomas Paine intitulada ... Idade da Razão?



A "Idade da Razão" referem-se a Thomas Paine, um Rosacruz proeminente?

Há inúmeras referências ao conceito de "Idade da Razão" dentro das Pedras Guia. Poderiam ser uma referência para a clássica obra de Thomas Paine intitulada ... Idade da Razão?


A Idade da Razão: Ser uma investigação da verdadeira teologia e fabula, é um tratado escrito por uma deísta do século XVIII britânico, o radical e revolucionário americano Thomas Paine. O trabalho critica a religião institucionalizada e desafia a inerrância da Bíblia. Seus princípios defendem a razão no lugar da revelação, um ponto de vista que é, obviamente compartilhado pelos autores das Pedras Guia.
É um fato conhecido de que Thomas Paine foi um dos principais membros da Fraternidade Rosacruz na América.
"A Fraternidade Rosacruz existia na América antes da Primeira Revolução Americana. Em 1774, o Grande Conselho dos Três (órgão supremo da Fraternidade que rege) foi composto por Benjamin Franklin, George Clymer e Thomas Paine ". - The Fraternitas Rosae Crucis, soul.org

Em The Secret Destiny of America, Manly P. Hall descreve Thomas Paine como um cruzado importante para a marcha em direção a um governo mundial ideal.
"De Thomas Paine foi dito que ele fez mais para ganhar a independência das colônias com a sua caneta do que George Washington realizava com sua espada. Só a completa reorganização do governo, religião e educação nos levaria ainda hoje para o estado perfeccionista que Tom Paine imaginava ".- Manly P. Hall, The Secret Destiny of America

Esta velada para Thomas Paine é outra peça do quebra-cabeça 
Rosacruz, o que me leva a crer que os autores eram ou maçons (que incorporaram ensinamentos Rosacruzes em seus graus) ou os membros da Fraternidade Rosacruz.

Além disso, como se para tornar as coisas mais óbvias, o folheto das Pedras Guia da Geórgia menciona que o Sr. Joe H. Fendley, presidente da Elberton Granito, bem como muitas outras pessoas envolvidas com a construção do monumento, eram maçons. Foi esta a razão da seleção destes homens pelos patrocinadores anônimos dos monumentos?
"Fendley também estava envolvido em atividades fraternas. Levantou um Mestre Maçom, em 1958, ele é agora um membro da Loja Maçônica Philomathea # 25 em Elberton, é um Rito de York e do Rito Escocês 32° Mason, e foi admitido no Templo Santuário Yaarab em Atlanta em 1969. Ele foi presidente da Vale Savannah Santuário Clube de 1972 a 1973. O potentado do Santuário Templo Yaarah concedendo a Fendley o "Grau de Distinção Divan", em 1973, e indicado embaixador em 1975. " - O Guia das Pedras Guia da Geórgia

Conclusão

As Guias da Geórgia são um manifesto 
Rosacruz moderno pedindo (ou anunciando) uma mudança drástica na forma como o mundo é gerido. O monumento é de grande importância na compreensão das forças que moldam hoje e secretamente o mundo de amanhã. Ele materializa em pedra a ligação crucial entre sociedades secretas, a elite mundial e a agenda para uma Nova Ordem Mundial. O impulso para um governo mundial, controle populacional e ambientalismo são questões que são discutidas hoje em uma base diária em eventos atuais. Eles não eram, em 1981, quando as Pedras Guia foram erguidas. Podemos dizer que um grande progresso foi feito?

Muitas das regras das Pedras Guia fazem sentido para a preservação da Terra a longo prazo. Mas entre as palavras idealistas dos autores das Pedras Guia e a maneira real dessas políticas seriam aplicadas sobre as massas - por políticos sedentos de poder e ganância - existe um mundo de diferença. Lendo nas entrelinhas, as Pedras Guia exigem das massas a perda de muitas liberdades pessoais e a subversão ao controle governamental aumentado em muitas questões sociais ... para não mencionar a morte de 92,5% da população ... e provavelmente não os da "
elite" . É o conceito de democracia "e para o povo", tal como idealizado pelos Pais Fundadores uma mera ilusão, uma solução temporária até que a introdução do socialista governo mundial? Por que não são os cidadãos do mundo consultados em uma questão democrática? Eu acho que é mais fácil para a elite para a fabricação de consentimento através de mídias de massa. Mas talvez isso não funcione em todos ...
 




O que são as Pedras Guia da Geórgia (Georgia Guidestones)

As Pedras Guia da Geórgia (Georgia Guidestones) é um monumento em granito localizado num cume no condado de Elbert, estado norte-americano da Geórgia. O monumento fica a 72 quilômetros de Atlanta e são visíveis da Rodovia 77 (Highway 77). O granito da região é um dos melhores de todo o mundo, clima moderado e a posição geográfica (ponto mais elevado do condado) foram essenciais para a sua construção.
As Pedras Guia da Geórgia, também conhecidas como Stonehenge Americano, medem 19 pés e 3 polegadas (5,88 metros), utilizam 951 pés cúbicos (26,93 m3) de granito e todas as seis pedras juntas pesam mais de 119 toneladas.
Nas pedras estão gravadas dez frases em oito idiomas: árabe, chinês, espanhol, hebraico, hindi, inglês, russo e suaíli. No topo estão gravadas pequenas mensagens em línguas antigas: babilônio, grego clássico, sânscrito e em hieróglifos egípcios.
Entre os idiomas escolhidos para as mensagens foram ignoradas línguas faladas por milhões de
pessoas como alemão, francês, grego, japonês, italiano e português. A escolha dos idiomas mostra a preocupação em balancear regiões e religiões para o entendimento das mensagens. Por isso, estão incluídos o hebraico, com apenas 11 milhões de falantes, e o suaíli, principal idioma banto com 50 milhões de falantes na África oriental, mas que não chega nem perto do total de falantes do português – sexta língua mais falada no mundo (240 milhões de falantes), excluída das inscrições possivelmente pela proximidade lingüística ao idioma espanhol, uma das oito escolhidas.
O que está escrito nas Pedras Guia da Geórgia (Georgia Guidestones)?

As dez frases escritas em cada um das oito línguas modernas são:
1. Manter a humanidade abaixo de 500.000.000 em um balanço constante com a natureza.
2. Controlar a reprodução de maneira sábia – aperfeiçoando as condições físicas e a diversidade.
3. Unir a humanidade com um novo idioma vigente.
4. Controlar a paixão – fé – tradição – e todas as coisas com razão moderada.
5. Proteger povos e nações com leis e cortes justas.
6. Permitir que todas as nações regulem-se internamente, resolvendo disputas externas em uma corte mundial.
7. Evitar leis insignificantes e governantes desnecessários.
8. Balancear direitos pessoais com deveres sociais.
9. Valorizar a verdade – beleza – amor – procurando a harmonia com o infinito.
10. Não ser um câncer na terra – Deixar espaço para a natureza – Deixar espaço para a natureza.
História nas Pedras Guia da Geórgia (Georgia Guidestones)

A lenda sobre a construção do local começou em junho de 1979, quando um bem-vestido e articulado chamado Sr. Christian (Cristão) procurou pelos escritórios de Elberton o custo de se construir um grande monumento. A empresa Elberton Granite Finishing foi contrata para realizar a obra por essa pessoa misteriosa, sob o pseudônimo de R.C. Christian. Especula-se que as iniciais R e C significam a ordem Rosa-Cruz, fraternidade que teria suas origens no personagem mítico do século XIV Christian Rosenkreuz, chamado também de Irmão C.R.C.

O Sr. Cristão disse que representava um pequeno grupo de americanos leais que vivem fora de Geórgia e que desejavam permanecer no anonimato para sempre. Ele contou aos construtores que os patrocinadores tinham planejado o monumento por anos e que os dez pontos das Pedras Guiam eram um uma apelo a todos os povos para preservar a humanidade e o planeta.
O local escolhido deveria ser remoto e longe dos turistas das cidades locais. Além da fartura de excelente granito (um dos materiais mais usados para lápides), clima e localização, o Sr. Christian disse que a escolha era também pessoal. Sua bisavó tinha nascido na Geórgia.
As Pedras Guia da Geórgia foram inauguradas em março de 1980, com a presença de 100 pessoas. A propriedade do terreno onde se encontram os monumentos é obscura. No registro de imóveis do condado de Elbert indica que o próprio condado teria comprado o terreno de cerca de 2 hectares onde está localizado o monumento em 1º de outubro de 1979 por US$ 5 mil.
Nos últimos anos rituais de diversos tipos de grupos foram feitos no local, incluindo casamentos e reuniões de nativos, cristãos, pagãos, entre outros. Pessoas chegam ao monumento para meditar, visitar, fazer turismo, tentar decifrá-lo e até depreciá-lo. Em 2008, as pedras foram pichadas com a frase “Morte a Nova Ordem Mundial”, “A elite quer matar 80% da humanidade”, “Não ao Governo Mundial” e “Jesus prevalecerá”.
Características astronômicas das Pedras Guia da Geórgia (Georgia Guidestones)

As quatro pedras exteriores são orientadas pela migração anual do Sol. Na coluna do centro há um furo onde Polaris pode sempre ser vista, se as condições de tempo permitirem. Polaris é a estrela mais brilhante da constelação Ursa Menor e popularmente conhecida como Estrela Polar – chamada assim por estar muito próxima ao Pólo Celeste. A estrela foi escolhida para simbolizar constância e a orientação com as forças da natureza. Há também nas pedras da Geórgia um entalhe que faz uma janela que alinha com os solstícios e equinócios (eventos que marcam os inícios das estações). Esta janela faz que o sol brilhe para indicar o meio-dia em uma linha curvada.

Tábua de instruções das Pedras Guia da Geórgia (Georgia Guidestones)

Além das inscrições existe uma tábua de instruções cravada no chão próxima ao monumento. A tábua identifica a estrutura, características astronômicas, patrocinadores (identificados na tábua apenas como “Um pequeno grupo de americanos que procuram a idade de razão”) e as línguas usadas nas Pedras Guia da Geórgia. O mais intrigante são os dados de uma cápsula de tempo enterrada sob a tábua com espaço para preenchimento de quando a data foi/será enterrada e quando deve ser reaberta. A cápsula foi ou será enterrada conforme a instrução da tábua “a seis pés abaixo deste ponto”. Cápsula do tempo é um recipiente completamente fechado para guardar mensagens e objetos para ser encontrados por gerações futuras.

Qual objetivo das Pedras Guia da Geórgia (Georgia Guidestones)?

Os críticos do monumento afirmam que as Pedras são “Os Dez mandamentos do Anticristo”. Segundo eles, as pedras foram construídas por sociedades secretas satânicas com o objetivo de implementar a Nova Ordem Mundial. O ativista político John Conner conclamou a destruição das Pedras da Geórgia, e que o entulho deveria ser usado em outras obras. Já entre os que defendem as Pedras Guia da Geórgia está a viúva do ex-Beatle John Lennon. Yoko Ono disse que as mensagens inscritas são “Um importante chamada ao pensamento racional”.

Argumentos contra as Pedras Guia da Geórgia (Georgia Guidestones)

O primeiro “mandamento” é o que mais chama a atenção dos críticos. Vários defensores de um Governo Mundial defendem a redução da população e o controle da natalidade. Os mesmos grupos são acusados de fomentar a histeria do Aquecimento Global para incluir mais e mais taxas para concluir seu objetivo de acabar com a soberania dos países. Este “mandamento” além de “pedir” uma redução dos atuais 6,7 bilhões de seres humanos para apenas 500 milhões, pede que isto seja feito em harmonia com a natureza. Algumas perguntas ficam no ar? Quem serão os escolhidos para ficar no grupo dos 500.000? Como a população será reduzida para ficar em “harmonia” com a natureza? As mesmas pessoas e grupos que pedem um governo mundial não são as mesmas pessoas que pedem investimentos e novos impostos para combater o Aquecimento Global? por
Os outros “mandamentos” não são menos aterrorizantes. O segundo pede o controle da reprodução, com a intromissão do governo mundial na esfera mais íntima e pessoal – a concepção. Controlar a reprodução de maneira sábia significa uso da inteligência de políticas de restrição ao número de filhos, incentivo ao aborto, esterilização em massa, além do claro pedido de reintrodução da eugenia (aperfeiçoando as condições físicas); o terceiro urge a criação de um novo idioma, que poderá ser seguido por apenas uma religião, uma moda, um povo. Não é de se espantar que o novo prédio que está sendo construído no lugar das Torres Gêmeas do World Trade Center fossem renomeados de Freedom Tower (Torre da Liberdade) para 1 World Trade Center.
O quarto mandamento pede o domínio da razão sob todas as formas abstratas. O controle da fé, tradição, paixão foi testado em regimes autoritários, onde o Governo controlará tudo e a todos, inclusive garantirá que os seus sentimentos sejam supervisionados em nome do bem comum.
O quinto e o sexto mandamento pedem a proteção de povos e nação em cortes mundiais, com direito a autonomias insignificantes. Para os críticos das pedras os exemplos destas “proteções” e “liberdades” já ocorrem nos países que foram invadidos para a própria proteção e novos povos que precisam, sem querer, de uma corte mundial para o seu próprio bem.
Aparentemente a burocracia é o que deve ser combatida no sétimo mandamento. Entretanto, esta pode significar a solicitação de um Governo Mundial para combater os gastos desnecessários de leis, governos, e, conseqüentemente, emissão de monóxido de carbono! O oitavo mandato é bastante claro. Todos os governos autoritários se definiram como agentes do bem-estar social. O balanceamento entre os direitos pessoais e deveres sociais indicam que há uma desproporção e, logicamente, a balança penderá para o seu dever com a sociedade. Não espere que eles admitam que você paga impostos em excesso e que seus direitos pessoais serão aumentados. O aumento dos deveres sociais significarão trabalhos forçados, campos de concentração e aumentos de taxas para tornar a sociedade mais “justa”.
A harmonia com o infinito que fala o nono parágrafo está relacionada com o seu dever com a natureza. Mesmo que os maiores expoentes da luta pela natureza gastem em média 20 vezes mais de energia elétrica em suas mansões é o cidadão comum que terá de economizar luz, água e será sobretaxado para ajudar a combater as mudanças climáticas. Deve-se valorizar a verdade, mas qual verdade? Deve-se valorizar a beleza? Mas qual beleza eles se referem? A beleza dos padrões da eugenia que levou a morte milhões de pessoas indefesas?
O último mandamento faz um elo com o primeiro. A idéia é que nós seres-humanos somos o câncer do planeta e que devemos ser reduzidos em quantidade para que a “natureza” tome conta. O ser-humano visto como um mal a ser aniquilado é transmitida diariamente para conquistar corações e mentes. O propósito é que aceitemos que devemos ser eliminados para que uma pequena elite controle todo o planeta numa ditadura global que trará escravidão para quem sobreviver em nome da harmonia com o planeta.
Não é o fato de negar a necessidade de preservar o planeta, mas combater os falsos ambientalistas. Estes são pessoas e grupos que utilizam algo que ninguém deseja e pode perder, nosso planeta, para chantagear a sociedade com taxas para realizar uma ditadura global, na qual os verdadeiros defensores do meio-ambiente se arrependerão por ter ajudado aqueles que, na verdade, utilizam a bandeira para fins egoístas.
Para chegar ao ponto de equilíbrio com o planeta planejado por esses grupos é necessário que a população reduza dos atuais 6,8 bilhões para apenas 500 milhões. Isto significa que eu, você, seus amigos, parentes e conhecidos teremos poucas chances de entrar no seleto grupo da harmonia, que se fosse realmente bom não seria gravado com pedras de fazer túmulos e, muito menos, pediria o abatimento de mais de 6.000.000.000 de seres-humanos.
Todos os pontos guias não foram feitos para você. São instruções de como o governo mundial vai controlar todos os detalhes de sua vida, restringindo ao máximo a sua privacidade através de autoridades inacessíveis e sem lugar para fugir. Lembre-se: de boas intenções o inferno está cheio.
Você deve estar se perguntando por que nunca tinha ouvido falar de um monumento construído na maior economia do mundo. Uma obra que conclama a redução drástica da população, uma nova religião, um governo mundial baseado na histeria ambientalista e no abusivo jogo de palavras que sugere harmonia, mas oferece escravidão. Em toda a história humana os tiranos chegaram ao poder um futuro melhor que jamais chegou, em troca pedem mais sacrifício e menos liberdade em nome da harmonia e das futuras gerações. Se você nunca ouviu falar nas Pedras Guia da Geórgia é porque a grande mídia tem distrações elaboradas a desviar a sua atenção como um novo reality show ou as declarações da sensação do último campeonato.

Cópia do artigo somente



Um comentário:

Dani disse...

Achei esse vídeo muito interessante sobre as pedras guias...

https://www.youtube.com/watch?v=YUafomuzl_M